COORDENADORA DE EPIDEMIOLOGIA DA REGIONAL DE PASSOS FALA SOBRE A CAMPANHA DE VACINAÇÃO NA REGIÃO

A coordenadora de epidemiologia, Márcia Silva, falou em um vídeo gravado nesta quarta-feira (20), como funcionará o sistema de vacinação na região.
A cidade de Piumhi recebeu as primeiras 300 doses da vacina contra à Covid-19 por volta das 11h desta quarta. O carregamento com mais de 9 mil imunizantes saiu de Belo Horizonte com destino à Superintendência Regional de Saúde (SRS), com sede administrativa em Passos. A SRS será responsável por gerenciar a distribuição dos imunizantes aos mais de 27 municípios da região macrosul.
A vacinação começou ontem no município. Quatro profissionais de saúde da Santa Casa receberam as primeiras doses da coronavac. Os critérios que foram definidos pelo Ministério da Saúde, é de que, neste primeiro momento, serão vacinados os profissionais que atuam nos serviços de saúde pública e privada, além de idosos acima de 75 anos e pessoas com 60 anos ou mais que vivem em instituições de longa permanência, como asilos e instituições psiquiátricas.
Segundo a coordenadora de epidemiologia de Passos, as doses recebidas são insuficientes para atender a demanda da população.
“A chegada da vacina contra a covid-19 era a grande expectativa de todos nós. O quantitativo que recebemos é insuficiente para atender toda a demanda da população. Então, a recomendação do Ministério da Saúde é de que atendêssemos os grupos prioritários. Mas percebemos que, com a chegada da quantidade de vacina, vamos ter que priorizar pessoas, aquelas que correm o risco maior de adoecer em função da covid-19, dentre os grupos prioritários”.
Márcia disse que as pessoas em vulnerabilidade devem ser vacinadas nesse primeiro momento.
“Os municípios devem priorizar aquelas pessoas que estão em uma situação de maior vulnerabilidade. Pedimos que as pessoas aguardem o seu momento, estamos priorizando os profissionais de saúde que estão na batalha diária, na linha de frente do enfrentamento ao coronavírus. Se eles forem afetados pela doença e deixarem de trabalhar, a população toda será acometida, será prejudicada. Então, não esqueça, você será vacinado, mas em momento oportuno”, finalizou a coordenadora.
As 300 primeiras pessoas vacinadas receberão a segunda dose nos próximos dias.
HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com