DELEGACIA FLUVIAL VAI FISCALIZAR EMBARCAÇÕES NO LAGO DE FURNAS

A Delegacia Fluvial de Furnas foi inaugurada na última quinta-feira (23), em São José da Barra, e representará a Marinha do Brasil na região no Lago de Furnas. A Delegacia vai contar com 34 militares, entre oficiais e praças, com intuito de ampliar a fiscalização de embarcações.

Na inauguração, o Prefeito Municipal de Piumhi, Adeberto José de Melo (Deco), foi representado pelo Assessor Jurídico, Davi Cândido. A cerimônia de inauguração teve ainda a presença do Comandante do 1º Distrito Naval, o Vice-Almirante, Flávio Augusto Viana Rocha.

O trabalho teve início no dia 26 de dezembro, com a chegada do delegado da Marinha, Fábio Bambace na cidade. Na oportunidade, ele foi empossado como primeiro Delegado da Delegacia Fluvial de Furnas. Anteriormente, a função era executada por militares da Capitania Fluvial de Minas Gerais.

A Delegacia conta com equipes, que terão postos fixos do trabalho, que inclui fiscalização de habilitação de condutores, documento de embarcações, conservação do material usado como salva-vidas e respeito mediante às regras de navegação.

A unidade se localiza as margens do lago e possui quatro prédios administrativos, em média 4 mil metros quadrados. A sede conta com área administrativa, sala de atendimento ao público, salas de ensino profissional marítimo, garagem de embarcações e viaturas terrestres, além de alojamentos.

Na localidade, serão realizados serviços como capacitação de condutores de embarcações, na regularização e habilitação e registros. A sede ainda depende de vistorias para integrar o sistema nacional.

Turismo

A Assessoria da Marinha destacou que na região de instalação da DelFurnas está situado um dos mais importantes pontos turísticos do estado, o Lago de Furnas, que recebe milhares de turistas o ano inteiro, principalmente no período do verão. O trabalho vai gerar mais segurança para os turistas, já que ela vai combater o transporte clandestino de passageiros e facilitar a legalização de embarcações e dos profissionais que atuam na área.

“Com a inauguração dessa nova delegacia, a CFMG expande ainda mais sua ação pelo território mineiro e contribuí para melhorias na Segurança do Tráfego Aquaviário, garantindo a proteção da vida humana nos rios, lagos e lagoas e o combate à poluição hídrica, proveniente de embarcações”, destacou a Assessoria de Comunicação da Marinha.

Ação

Como o Lago de Furnas é um dos principais destinos turísticos de Minas, em Capitólio a Marinha do Brasil vinha fazendo um trabalho de fiscalização de embarcações desde o início de 2019. A Delegacia visa atender à demanda crescente e possibilitará a presença constante de militares da Marinha no Lago.

Dezenas de cais e marinas estão instaladas às margens do Lago, que banha 34 municípios. Todos os dias ocorrem embarques e desembarques de pessoas das comunidades e turistas que procuram a região para conhecer as belezas do mar de Minas. Duas mil embarcações navegam pelas águas do Lago segundo registros da Marinha. A maioria é usada para transporte de passageiros.

Os militares usam barcos e motos aquáticas na fiscalização. Cada equipe da marinha pilota, em média, 30 milhas náuticas, quase 60 quilômetros por dia e todos os militares estão atentos às irregularidades.

Dentre as irregularidades mais frequentes, estão embarcações que não têm dotação correta de equipamentos de salvatagem e pessoas não habilitadas conduzindo embarcações ou habilitadas para outro tipo de embarcação, segundo informações da Marinha. A partir de agora, tudo será fiscalizado.

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com