PROJETO VIVA PRA VALER REALIZA AÇÃO EM COMEMORAÇÃO AO NOVEMBRO AZUL

No dia 13 de novembro, durante a reunião mensal do projeto “Viva pra Valer” da Secretaria Municipal de Saúde, foi realizado uma ação em menção ao Novembro Azul.

De acordo com a Secretaria, o projeto realiza ações com temas diferentes em cada mês. Dando sequência à campanha nacional de prevenção ao câncer, entre eles o de mama no mês de outubro (outubro rosa), agora está sendo realizadas palestras sobre o câncer de próstata, as formas de prevenção e tratamento (novembro azul).

Os organizadores e palestrantes foram o educador físico, Ricardo Soares de Sousa, e a nutricionista, Haline Reis, ambos atuantes no Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF), e contaram com o auxílio de Agentes Comunitários de Saúde das Unidades de Saúde da família Totonha Tomé e Dona Tina.

As palestrantes e convidadas especiais foram as representantes da Associação de Apoio aos Pacientes com Câncer (AMPARO), existente no município de Piumhi. Ao findar das palestras, foi servido um lanche saudável, com alimentos específicos, protetores contra o câncer, fontes de substâncias antioxidantes como: flavonoides, resveratrol, licopeno, vitaminas e fibras.

As reuniões do projeto ocorrem mensalmente na Academia da Saúde, “Gisele Cristina Lima”, situada na Rua Ari Almada, no Bairro Totonha Tomé.

De acordo com a coordenação do projeto “Viva Pra Valer”, os eventos acontecem com a finalidade de monitorar o nível de obesidade e doenças crônicas prevalentes e ascendentes no município. Sendo que, os meses de outubro e novembro são voltados para a prevenção e tratamento do câncer de mama e próstata. Aproveitando assim, a oportunidade para conscientizar a população sobre a importância de atividades físicas e de uma alimentação saudável nestas prevenções.

O evento vem proporcionando resultados como: fortalecimento do trabalho da equipe organizadora, por meio de criação de vínculos de trabalhos com outros setores de promoção de saúde, como as organizações não governamentais, redução nos índices de depressão devido à socialização, melhor controle do peso corporal e de doenças crônicas.

Para o educador físico, Ricardo, um dos objetivos foi alcançado, sendo a boa quantidade de presentes na palestra, aproximadamente quarenta pessoas.

“O objetivo maior é que haja mais participação da população nas ações desenvolvidas pelo NASF que incluem ações de alimentação saudável e atividade física que visam promover a melhor qualidade de vida”, enfatizou Ricardo Soares.

HTML Snippets Powered By : XYZScripts.com